#comofaz: Como baixar filmes e séries usando torrents

giphy
Mas é claaaaro que a gente ia usar Game of Thrones para ilustrar este tutorial!

Antes de qualquer coisa, vou tirar uma questão da frente antes de falar de torrent: pirataria é crime ou não é? Quem baixa filmes pode ser preso por isso? Segundo o que pesquisamos, pela lei brasileira, baixar arquivos para uso privado não é crime, o que não pode é ganhar dinheiro com isso, como vender os arquivos em um dvd caseiro, por exemplo.

Ainda assim, é preciso ficar claro que cada vez que fazemos um download clandestino de um produto intelectual, como um filme, um episódio de uma série, um disco ou um livro, os responsáveis por ele não recebem nada pelo trabalho que tiveram ali. Como é uma discussão bem longa, vamos deixar por enquanto isso na consciência de cada um, ok?

Ao tutorial, então. Torrents têm alguns passos, precisam de programas específicos, mas não são nenhum bicho de sete cabeças — mesmo.

O que você vai precisar:

– Um software chamado cliente de torrent; (algumas opções: µTorrent, Vuze, Bitcomet

– Um site para você baixar os arquivos de torrent; (para séries, tente o Eztv, para todo o resto, The Pirate Bay. Outras opções de sites: Torrentz e Isohunt, entre outros)

– Um site para baixar as legendas, se você precisar; (opções: Open SubtitlesLegendas.tv)

– Um software para assistir aos filmes depois, o player. (não tem como dar errado com o VLC)

Só isso.

Vamos lá: primeiro você instala o cliente de torrent, aquele que você escolher, de acordo com o que estiver disponível para o sistema operacional do seu computador, normalmente Windows ou Macintosh. Preste atenção no que você estiver concordando ao instalar, porque alguns programas, como o Vuze, instalam extensões chatinhas que alteram o Chrome ou o Firefox. Não vá clicando sim em todas as janelas que aparecem na sua frente sem ler do que se trata antes, tá?

Agora você precisa de um torrent em si. O torrent é um arquivo minúsculo, que vai executar o download do arquivo que você quer no cliente, puxando e organizando pedacinhos do arquivo de todos os computadores que estiverem baixando ao mesmo tempo e estiverem conectados à Internet. Por isso que, ao contrários dos downloads normais, quanto mais pessoas estiverem baixando o arquivo, melhor. O nome do arquivo é sempre algumacoisa.torrent.

É só ir até o site de sua escolha e buscar o que você quer. Muitas vezes, você vai ter que buscar pelo nome original do filme/série/o que seja. Aqui, um exemplo usando a série Game of Thrones no EZTV.

game of thrones torrent
Todas as opções disponiveis de Games of Thrones no EZTV nesta sexta, 4/04

Agora, como escolher o arquivo? No exemplo de cima, a sigla S(número)E(número) significa número da temporada (S de Season) e do episódio (E de Episode). Então S3E10 é o 10º episódio da terceira temporada. No caso entre o 720p e o HDTV normal, eu normalmente escolho o HDTV normal por ter uma qualidade de imagem ok e ser um arquivo menor, mais rápido de baixar.

Agora, um exemplo de filme, no Isohunt, com os filmes do Percy Jackson. Olhe como fica a busca:

percy jackson torrent1
Isohunt anda espertinho: perceba que os primeiros resultados são posts patrocinados. Procure os resultados normais de busca

Nesse caso, como escolher qual torrent? No fim do post, vou explicar melhor o que acontece com o nome dos arquivos, mas por enquanto, você precisa prestar atenção nos dados do arquivo, como size (tamanho), e principalmente seeds (o S). Quanto maior o arquivo (e alguns arquivos tirados de Blu-rays são bem grandinhos, tipo alguns gigabytes), mais demorado vai ser o download e claro, vai ocupar mais espaço no seu HD – em compensação, a imagem e som são ótimos. Você também quer um torrent com muitos seeds (sementes), porque eles são pessoas como você que estão baixando e distribuindo o arquivo ao mesmo tempo. Quanto mais seeds o arquivo tiver, mais rápido ele baixará. Também vale a pena prestar atenção nos comentários que o arquivo tiver. As pessoas avisam se for falso, se a qualidade estiver ruim, for vírus, etc.

Depois que você escolher, baixe o arquivo no seu computador. Cuidado com essa tela, porque muitas vezes eles entopem de botões para outros sites, dando uma enganada mesmo na gente. Procure sempre o “baixe o torrent”, como na foto abaixo:

Percy Jackson no Isohunt
Exemplo do Isohunt. Às vezes o botão para baixar o torrent fica escondido no meio dos “sites parceiros”

Agora vamos colocar o torrent no cliente. Escolha “add” ou adicionar torrent, e clique ok na janela que abrir. O cliente vai começar a baixar o torrent. A velocidade vai depender da velocidade da sua conexão e da quantidade de seeds, mas para ter uma ideia, os 900 megas do Percy Jackson do exemplo demoraram uns 20 minutos em uma conexão corporativa no µTorrent. O torrent costuma exigir bastante da conexão de internet da sua casa, então é bom fazer o mínimo possível com o computador enquanto o arquivo estiver baixando (assistir Netflix pode ser sofrido).

uTorrent abrindo o arquivo
Em alguns programas, o nome muda, mas é sempre algo tipo “abra ou adicione torrent”

Se você gosta de ver séries e filmes sem legenda, o próximo passo é estourar pipoca, se acomodar no sofá e abrir o arquivo no player (que a essa altura, você já instalou enquanto esperava o filme baixar). A gente super recomenda o VLC porque com ele você não tem que se preocupar com o formato do arquivo que baixou, ele lê praticamente tudo, enquanto outros como o iTunes só leem arquivos .mp4. Não é difícil converter, mas não é a proposta deste tutorial. Vá com o VLC que vai dar tudo certo e se não der avisa a gente.

Se você não leva fé no seu inglês/francês/italiano/espanhol/iraniano/whatever, tem um passinho a mais antes do sofá e da pipoca: a legenda. Em alguns casos, como o Percy Jackson do exemplo, o torrent vai vir com arquivos de legenda na língua que você quiser. O download do torrent sempre vai ser uma pasta com o arquivo de vídeo (provavelmente um .avi ou .mp4) e alguns outros arquivos de texto, que não são necessários. Procure na pasta arquivos com a extensão .srt (assim: nomedoarquivo.srt). Essa é a legenda.

O truque para fazer a legenda funcionar com o vídeo é o seguinte: deixar o vídeo e a legenda na mesma pasta do computador, com o mesmo nome. Olhe na imagem:

Tela do VLC
Não precisa clicar nos dois arquivos; no de video basta. Mas a legenda precisa estar na mesma pasta e ter o mesmo nome

Aí, é só abrir o arquivo de vídeo no VLC e pronto, tudo sincronizadinho. De volta à pipoca e ao sofá.

Mas se o arquivo não vier com a legenda? Aí você pode buscar legendas em sites específicos, como os que indicamos no início, o Open Subtitles ou o Legendas.tv. Busque pelo nome do filme e tente checar se existe alguma com o nome exato do arquivo que você baixou, inclusive com aqueles termos meio estranhos tipo Dualmedia, Xvid, etc. Se não, escolha a que for mais próxima, deixe na mesma pasta do filme e renomeie para que os arquivos tenham exatamente o mesmo nome.

Duas coisas:

1) O que significam palavras como DVDRip, DVDSCR, CAM, TS, TC, and R5 nos nomes dos arquivos de torrent de filmes?

Elas mostram como o vídeo foi captado. CAM, TS e TC significam que o vídeo foi captado dentro de um cinema, ou por um espectador na plateia com uma câmera (CAM) ou na sala de projeção (TS e TC). A qualidade de imagem e som costumam ser bem ruins, e portanto, não valem a pena.

DVDRip, DVDSCR e R5 são arquivos que foram obtidos a partir de cópias do filme em DVD. Dê preferência a esses. Os DVDSCR, podem vir com marcas d’água ou contadores de segundos porque são DVDs promocionais. Muitas vezes você vai encontrar rips de Blu-ray também. Se for apenas para assistir na telinha do computador, eu pessoalmente não acho que o tamanho do arquivo compense. (Para ver na TV da sala é outra coisa, mas assistir filmes baixados e Netflix na sua TV vai ser tema de outro tutorial).

No caso de torrents de séries de TV, além do HDTV podem vir números como 720p ou 1080p. Isso se refere à qualidade da imagem em transmissão digital. Normalmente são mais pesados, com mais de um gigabyte de tamanho.

Eu aconselho sempre checar as avaliações dos torrents e os comentários postados nos sites para ter certeza que se trata de uma cópia boa. E desconfie se o torrent parecer bom demais para ser verdade; com certeza não é e você pode acabar baixando um vírus no seu computador sem querer.

2) Espalhe o amor: é sempre #bomkarma deixar o cliente de torrent aberto depois que você tiver baixado, assim o arquivo é “semeado”(seed, lembra?) entre outros usuários que também estão baixando o arquivo, para devolver o favor e ajudar todo mundo. Tipo à noite, enquanto você estiver dormindo. Ou mandando mensagem pros amigos passando mal com o último capítulo de Game of Thrones.

got torrent
Renly Baratheon garante: vai na fé que você consegue

Dúvidas ou sugestões? Deixe um comentário!