10 out 2017

Além do Duolingo: 5 aplicativos para aprender e praticar idiomas

por Dimítria Coutinho

4 min. de leitura
Além do Duolingo: 5 aplicativos para aprender e praticar idiomas

Num contexto em que temos um mundo de ferramentas literalmente na palma de nossas mãos em nossos smartphones, o aprendizado de idiomas não poderia se dar de forma diferente. A tendência é, cada vez mais, utilizarmos aplicativos que simplificam o estudo de outra língua. Por isso, listamos 5 apps que são muito úteis na hora de aprender ou aperfeiçoar os conhecimentos em outros idiomas. Grande parte deles são ainda colaborativos, o que significa que é possível ter contato com nativos de outros idiomas.

5 aplicativos para aprender e praticar idiomas

How to say

O aplicativo é um dicionário de pronúncias. A interface é bastante simples, e conta com um campo que permite que você digite uma palavra em qualquer língua — são mais de 300 no app. Em seguida, aparecerá uma lista de gravações feitas por nativos, onde você pode ouvir a pronúncia correta com o sotaque de diferentes regiões. O aplicativo é gratuito, não necessita de cadastro e está disponível para Android.

Foto: Reprodução

Interface do How to say. No campo, é possível digitar a palavra desejada e, na lista, ouvir as pronúncia referentes às respectivas localizações.

HiNative

Nesse aplicativo, é necessário fazer um registro antes, selecionar a língua materna e as línguas que têm interesse em aprender. Ele funciona como um dicionário colaborativo: é só perguntar suas dúvidas que algum nativo as responderá. Também é possível responder dúvidas de estrangeiros em idiomas que você domina. As perguntas podem ser feitas por escrito, com imagens (como a foto de um cardápio que você não entendeu, por exemplo) ou por meio de áudios para receber retorno de sua pronúncia. O aplicativo é gratuito, embora possam ser feitas compras dentro do app. A disposição de elementos é bem amigável, e o aplicativo está disponível para Android e iOS.

Foto: Reprodução

Lista onde as perguntas de diversas pessoas ficam aguardando resposta.

Foto: Reprodução

Pergunta de teste que foi respondida por um nativo.

Busuu

No Busuu, é necessário um cadastro para inserir suas língua materna e a língua que deseja aprender — o app conta com 12 línguas no total. Depois, você pode fazer um teste de nivelamento do idioma desejado e assim saber em qual nível você se encaixa. A partir desse teste, o app te direciona para mini-aulas, de acordo com o seu conhecimento prévio. Funciona quase como uma apostila. O diferencial, aqui, é que quem corrige seus exercícios são nativos, assim como você pode corrigir as lições de outras pessoas.

O app é gratuito para quem deseja acessar as aulas. Para checar seu aprendizado com os exercícios, é preciso criar uma conta premium. A interface do aplicativo é bastante amigável e fácil de manusear. Busuu está disponível para Android, iOS e também na versão para computador.

Foto: Reprodução

Lição oferecida de acordo com o nível no idioma. Os botões travados pelo cadeado amarelo só podem ser utilizados por contas premium.

Foto: Reprodução

No Busuu, é possível auxiliar outras pessoas que pedirem ajuda.

HelloTalk

Nesse aplicativo, você realiza um cadastro indicando sua língua nativa e as línguas que deseja aprender. A partir disso, surgirá uma espécie de match: uma lista de pessoas de vários lugares do mundo que são nativos da língua que você quer aprender e que querem aprender a sua língua nativa. É só escolher alguém e iniciar uma conversa para que um possa ajudar ao outro. O chat permite a tradução de mensagens, a correção de erros do colega e o envio de áudios e imagens. O HelloTalk é gratuito e está disponível para Android e iOS.

Foto: Reprodução

Lista de pessoas que “deram match” com o que foi selecionado como língua materna e idioma desejado.

Duolingo

O mais conhecido dos aplicativos para aprender outras línguas, o Duolingo conta hoje com mais de 20 idiomas em sua plataforma e tem como método de ensino a gamificação, isto é, o aprendizado inspirado nos jogos. Uma vez estudando, você ganha pontos ao acertar, disputa uma corrida contra o relógio para não perder a frequência e avança de nível a cada conquista. No Duolingo, cada lição é um jogo e inclui diversas questões de conversação, compreensão, tradução e desafios de múltipla escolha. Há, inclusive, uma forma de poupar vidas como nos tradicionais games para continuar no jogo. Você perde um coração a cada resposta errada. Se eles acabarem, é preciso recomeçar e tentar de novo. Ele é menos colaborativo do que outros, mas se você desejar pode competir com outros alunos da plataforma, comparando seu desempenho. Disponível para Android, iOs e Windows Phone e também nos computadores.

Foto: Divulgação

A gamificação do aprendizado de outras línguas é a base do método de ensino do Duolingo.